Situado a 6 km de Ponte de Lima, junto à ponte romana do rio Estorãos, o Moinho de Estorãos convida a uma estadia romântica no seio da natureza. Esta antiga azenha recuperada para turismo no espaço rural, constitui uma unidade autónoma, com quarto, cozinha e sala, preservando o funcionamento da velha mó e a roda de moagem. A decoração das paredes em pedra confere um ambiente rústico acolhedor com todo o conforto. O mobiliário e objectos tradicionais da terra conferem uma estadia de tranquilidade no campo. No livro de visitantes podemos ler os testemunhos de estadias inspiradoras. A paisagem surpreende pelas belezas naturais e o ar puro da Serra de Arga. Um lugar mágico, em que a poesia do silêncio da natureza faz despertar momentos de emoção embalados pelo ranger da mó nas águas da ribeira, até acordar para tomar um pequeno-almoço com pão fresco e compotas caseiras e partir à descoberta a pé, de bicicleta ou a cavalo nos trilhos de descoberta desta bela região.

Alojamento

  • 1 x Apt. x2 - Desde 108.00€ / noite

Características

  • Caça
  • Desportos náuticos
  • Fala-se espanhol
  • Fala-se francês
  • Fala-se inglês
  • Lareira
  • Passeios a Pé
  • Pesca

Localização

Estorãos

497 CC

Estorãos é uma pequena aldeia minhota situada a cerca de seis quilómetros de Ponte de Lima onde corre a ribeira que lhe dá o nome. As águas vindas do alto da serra de Arga serpenteiam no meio de pinheiros, vinhas e campos estrumados criando pequenos lagos e represas onde trutas e lampreias se escondem de turistas e pescadores. A paisagem é magnífica. O recorte azulado e sombrio da serra contrasta com o verde dos campos e as cores outonais das vinhas e searas criando verdadeiros jardins que pedem muitos passeios e descobertas rústicas.

De cada lado da ribeira várias casas de granito e outras mais modernas formam uma pequena aldeia ligada por uma velha ponte românica. Do lado direito da ponte, um moinho de pedra com a roda de madeira intacta parece uma sentinela nas águas calmas próprias dos dias em que não chove.

Recuperado para turismo rural há cerca de dez anos. o moinho foi a primeira de um grupo de quatro construções rústicas utilizadas por quem procura a paz e o sossego do campo. Em qualquer uma das casas restauradas pelo Sr. Alcindo Pereira percebe-se o cuidado com que foram feitas as obras.

As salas e os quartos com as paredes em pedra criam um ambiente rústico muito acolhedor. Móveis antigos e objectos ligados ás lides rurais e de artesanato tipicamente minhoto compõem a decoração de todas as casas proporcionando uma sensação confortável e colorida bem própria do campo.

É bom adormecer no silêncio da natureza e acordar embalado com o ranger da mó nas águas da ribeira tomar um pequeno-almoço com pão fresco e compotas para depois partir à descoberta das surpresas que se escondem na região.

In Solares de Portugal A arte de bem receber , Edições INAPA, 2007

HISTORIAL

O Moinho de Estorãos é uma velha construção de granito encostada ponte sobre o rio Estorãos. A data da sua construção é desconhecida mas pensa-se ser dos finais do séc. XVIII.

Em 1868 foi vendida pelo Conde de Bertiandos à família para moagem de cereais, serração de madeiras, actividades que cessaram em 1965 e 1940 respectivamente.

Em 1983 foi reconstruída, mantendo o seu aspecto original, sendo no entanto o seu interior remodelado, a fim de se tornar uma vivenda agradável.

Possui um quarto duplo, uma grande sala, uma cozinha e duas casas de banho. Uma lareira torna agradáveis as noites de inverno. O exterior de razoável área é muito aprazível e recatada.

Privilegiado pela natureza, situa-se junto ao rio e a uma ponte romana, motivo que tem merecido a atenção de fotógrafos, cineastas, pintores e outros artistas.